Localização:

O que é o Gerador de Efeitos Espaciais (SEG)?

O SEG, originalmente conhecido como o Searl Effect Generator, é um pequeno dispositivo transportável, de aproximadamente 1 metro de diâmetro, que tem uma capacidade de produção de energia de 15 kWh que poderá ser utilizada para fazer funcionar qualquer dispositivo que consuma corrente alterna (AC) ou corrente contínua (DC). Não necessita de nenhuma fonte de energia a não ser os elétrons livres que existem na Natureza. É modular na sua concepção permitindo a agregação de várias unidades e é formado por rolamentos magneticamente suportados que não produzem fricção, permitindo-lhes uma duração perpétua. Esta solução pode alimentar qualquer coisa desde veículos, habitações, negócios, em locais citadinos ou em locais remotos. Se forem ligadas unidades suficientes poder-se-á até gerar eletricidade para cidades inteiras!

Como funciona?

A melhor maneira de descrever o funcionamento do SEG é compará-lo a um conceito já bem conhecido e compreendido, uma Barragem Hidroelétrica.
  • A água no seu estado natural flui através da represa da Barragem Hidroelétrica = Os Elétrons no Neodymium no seu estado natural fluem através da camada dielétrica (Reservatório de Elétrons ou Regulador).
  • Assim que a água passa pelas turbinas da barragem, estas começam a produzir energia = Assim que os electrões começam a fluir o SEG motor-gerador começa a produzir energia com os eletroíman externos em forma de C.
  • A água na represa da barragem representa o reservatório = Os elétrons no interior do SEG deverão ser compreendidos analogamente.
  • Que a Barragem contém água com correntes é compreendido. = Que o interior do SEG contém elétrons no interior do Neodymium em correntes elétricas, deverá ser compreendido analogamente.
  • Que as turbinas hidroelétricas são reguladas pelo fluxo da água (mais água, maior quantidade de energia produzida) é um dado adquirido = Como o SEG regula o fluxo de elétrons (quanto maior a quantidade de elétrons, maior será a quantidade de energia produzida) deverá ser entendido da mesma forma.
  • Em ambos os casos o fluxo do material do meio faz movimentar o motor-gerador.
  • Em ambos os casos o motor-gerador produz eletricidade.
  • Em ambos os casos podemos ver que a energia hidroelétrica e a energia gerada pelo SEG são muito semelhantes.
  • A diferença principal é o meio que é utilizado para movimentar o sistema do motor-gerador.

Os dois diagramas apresentados ilustram o ciclo energético do SEG como um sistema aberto de conversão de energia. Onde o reservatório aproveita a energia cinética com um meio líquido, o SEG aproveita a energia cinética no reservatório constituído pelo interior metálico do Neodymium com um meio de elétrons. Da mesma forma, os dois sistemas completam os seus ciclos energéticos através da atmosfera e assim aproveitam uma quantidade ilimitada de energia como sistemas abertos que são.